Educação

Alunas da UEL conquistam prêmio internacional na área de sustentabilidade

28-3-2019-g-lens

As alunas do curso de Designa de Moda, Brunna Ramos, do 3º ano, e Bheatriz Graciano, do 4º ano, conquistaram o 1° lugar nacional e o 2° lugar internacional no Student Design Competition Catalogue 2018 da LeNS Network on Sustainability. As jovens foram premiadas pelo desenvolvimento de um modelo de Banco de Resíduos Têxteis, com previsão de aplicação em Londrina e região.

O concurso, que investe na sustentabilidade cooperativa, recebeu mais de 40 projetos desenvolvidos por estudantes de graduação de vários países que participam da LeNS Network. De acordo com a aluna Brunna Ramos, a proposta do Banco de Resíduos Têxteis visa dar destinação correta aos resíduos da indústria têxtil, que só em Londrina é o segundo tipo de resíduo sólido produzidos, atrás apenas do plástico.

Segundo ela, o sistema de coleta e destinação de resíduos têxteis foi proposto para a cidade de Londrina (PR), dentro do projeto de ensino “Logística reversa de resíduos têxteis industriais e pós-consumo”, coordenado pelos professores Cláudio Pereira de Sampaio e Susana Barreto, do Departamento de Design, do CECA. “Fiquei muito feliz com a conquista do prêmio, para nós foi uma boa surpresa”, diz Brunna.

28-3-2019-g-bruna

Brunna Ramos, do 3º ano do curso de Design de Moda

A jovem ainda explica que a ideia prevê a destinação correta e produtiva dos resíduos têxteis industriais, uma vez que eles sempre são negligenciados dentro das políticas públicas de resíduos no país. Nesse sentido, segundo Brunna, o Banco envolve três diferentes frentes de destinação. A primeira é o repasse dos resíduos para entidades ou grupos de artesãos, o segundo a “desfribragem” dos tecidos, uma espécie de desmontagem, para transformação em fibras, além da última alternativa, porém a menos viável e correta, que é a incineração.

28-3-2019-g-bia

Bheatriz Graciano, do 4º ano do curso de Design de Moda

As estudantes irão para Curitiba na próxima semana, de 3 a 5 de abril, para a cerimônia de premiação, que ocorrerá na Universidade Federal do Paraná (UFPR), no evento LeNS Distributed Conference. Elas irão receber certificado de reconhecimento pelo trabalho. O catálogo dos demais projetos vencedores já pode ser acessado no endereço LeNS, e em breve deverá ser publicado também no site da LeNS Network.

De acordo com o professor Cláudio Pereira de Sampaio, a ideia do Banco de Resíduos Têxteis foi inspirada em outros dois modelos, um atualmente em operação em Caxias do Sul/RS (banco de Vestuário) e outro em São Paulo/SP (Retalho Fashion).

O professor explica que as adaptações e proposição de novas soluções para a área levou em consideração as realidades do setor na região norte do Paraná, com foco na revalorização dos resíduos. “O denominado Banco de Resíduos Têxteis envolve indústrias, cooperativas de coleta e poder público, entre outros atores, visando a redução do desperdício de material têxtil, além de uma nova inserção na cadeia produtiva”, observa o professor.

LeNS – Faz dois anos que a UEL integra a rede brasileira ligada à rede internacional do LeNS. As pesquisas e ações são desenvolvidas por alunos e professores da área de design dentro do Lens Lab, que conta com seis alunos bolsistas de Iniciação Científica (IC), e um bolsista de Iniciação Científica Júnior.

A LeNS Network tem como objetivo fomentar a inclusão da sustentabilidade nos currículos de Design das universidades participantes, e atualmente conta com mais de 140 instituições de cerca de 15 países.

Agência UEL

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s